Mauá inicia vacinação contra Febre Amarela Mauá inicia vacinação contra Febre Amarela
Primeiro dia de campanha na cidade registrou movimento tranquilo nas unidades de Saúde e imunização de cerca de 15 mil pessoas A Prefeitura de... Mauá inicia vacinação contra Febre Amarela

Primeiro dia de campanha na cidade registrou movimento tranquilo nas unidades de Saúde e imunização de cerca de 15 mil pessoas

A Prefeitura de Mauá deu início nesta quinta-feira à campanha de vacinação contra a Febre Amarela com o objetivo de imunizar toda a população da cidade. Neste primeiro dia, cerca de 15 mil pessoas foram vacinadas nas 23 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) municipais.

Tudo correu dentro da normalidade, sem longas filas ou tumulto, com fluxo de atendimento organizado pelos profissionais de cada unidade. Até às 14h (quando 7.450 pessoas já haviam recebido doses da vacina) a UBS Santista foi a que registrou maior adesão à campanha com 699 atendimentos. O prefeito Atila Jacomussi acompanhou os trabalhos em diversos locais, juntamente com equipes da Saúde.

Fiz questão de acompanhar o primeiro dia da campanha nas Unidades Básicas de Saúde. Conversei com cada uma das equipes para que façam um atendimento humanizado, sempre tratando o paciente com dignidade e respeito. Vamos continuar acompanhando os trabalhos para garantir que Mauá continue longe da Febre Amarela”, disse o prefeito Atila.

Ao longo da campanha, serão aplicadas as doses fracionadas da vacina (de 0,1 ml). De acordo com o Ministério da Saúde, a dose fracionada apresenta o mesmo nível de eficácia contra a doença e garante proteção por pelo menos oito anos. A única diferença é que a dose padrão protege o paciente por toda a vida. Em alguns casos, as doses integrais são recomendadas e, por isso, elas seguem sendo aplicadas.

A Secretaria Municipal de Saúde vem orientando idosos, portadores do vírus HIV, transplantados, hemofílicos ou pessoas com doenças do sangue e doença falciforme a consultarem um médico antes de tomar a vacina. A imunização não é indicada para grávidas que estão fora das áreas de risco, mulheres que estão amamentando crianças de até 06 meses e pacientes em tratamento quimioterápico ou radioterápico ou ainda para os que fazem uso de corticoides em doses elevadas.

Dias D

Na luta contra a Febre Amarela, Mauá ainda realizará mutirões da vacina em dois sábados, dias 03 e 17 de fevereiro (último dia da campanha). De segunda a sexta-feira, os trabalhos seguem sempre das 8h às 17h.

Há doses suficientes para imunizar todos os mauaenses. Vale lembrar que Mauá não é considerada área de risco e que nenhum caso da doença foi registrado na cidade. 

No comments so far.

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *