Bancada do PV declara apoio à Regina Gonçalves

Bastidor Político

A notícia por trás da notícia

Bancada do PV declara apoio à  Regina Gonçalves Bancada do PV declara apoio à  Regina Gonçalves
A Bancada de vereadores do PV de DiademaDiadema d nesta quinta-feira, 2, apoio à pré-candidatura a Deputada Federal de Regina Gonçalves. “Em conjunto decidimos... Bancada do PV declara apoio à  Regina Gonçalves

A Bancada de vereadores do PV de DiademaDiadema d nesta quinta-feira, 2, apoio à pré-candidatura a Deputada Federal de Regina Gonçalves.

“Em conjunto decidimos que vai prevalecer a unidade do partido que tem um projeto político-partidário sólido na cidade”, destacou Regina.

Os vereadores Marcio Junior, Talabi, Dr. Albino e Zé do Bloco destacaram a idoneidade da pré-candidata e o fato de a cidade ter sido privilegiada com recursos e emendas enquanto ela esteve na Assembleia.

Paulo Bezerra destacou em sua fala o crescimento do PV na cidade já que em 2002 não havia representantes no legislativo e, na época, Regina já projetava eleger algum vereador e posteriormente até prefeito.

Durante a coletiva, Regina afirmou que a opção de sua pré-candidatura à federal foi por uma questão de discussão de necessidade da cidade.

“Neste momento de fragilidade que o país está vivendo, uma cidade com as nossas características está sofrendo demais”.

“É um desmonte de programas inteiramente voltados às necessidades básicas das cidades da área metropolitana, como a nossa”.

Rodrigo Capel destacou temas que Regina está defendendo na cidade.

“Ela está trazendo uma pauta bacana que é a questão das dez medidas anticorrupção do Ministério Público e o fim dos privilégios dos deputados, sendo contra o Foro Privilegiado”.

Regina agradeceu aos vereadores e lembrou que juntos conduzem o partido na cidade e sabe que todos têm o compromisso com a cidade.

“As pautas principais que nós temos discutido são de interesse da cidade, das políticas públicas que necessitam de investimento cada vez maior e o tesouro municipal, a receita própria, não consegue cobrir. Precisamos lutar por aquilo que é de direito da nossa cidade”.